Blog de marialimeira


http://planetasustentavel.abril.com.br/home/

 



Escrito por marialimeira às 10h46
[   ] [ envie esta mensagem ]




"Criança! Não verás nenhum País como este!"

 



Escrito por marialimeira às 11h10
[   ] [ envie esta mensagem ]




O Brasil em luto pelas crianças chacinadas en Realengo

 



Escrito por marialimeira às 11h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




O Brasil inteiro em lágrimas pelas crianças chacinadas em Realengo

 



Escrito por marialimeira às 11h01
[   ] [ envie esta mensagem ]




Rio de Janeiro chora nossas crianças assassinadas em Realengo

 



Escrito por marialimeira às 10h57
[   ] [ envie esta mensagem ]




Em memória das crianças chacinadas de Realengo

 



Escrito por marialimeira às 10h53
[   ] [ envie esta mensagem ]




Herbóreo

 

É noite de lua certa.

No bosque desencantado,

plantas mágicas esperam

ritual apropriado.

 

Não basta querer colhê-las.

É preciso ter nos lábios

palavras de encantamento

e, nas mãos, os gestos sábios.

 

Depois da colheita feita,

convém conhecer os jeitos

de extrair de cada planta

o melhor dos seus efeitos.

 

Perfume, elixir, unguento,

feitiços, chás e tintura.

Secar, filtrar, macerar...

alívio, melhora ou cura.

 

Minhas dores despertaram

em noite de lua alta.

o bosque aguarda sereno,

mas a magia me falta.

 

Feitiços feitos em série

um balconista apresenta:

caixinhas, bulas, pastilhas

e uma lembrança do bosque:

no troco, balas de menta.

 

Carla Ceres

Algo além dos livros

http://carlaceres.blogspot.com/

 



Escrito por marialimeira às 20h54
[   ] [ envie esta mensagem ]




Quando bueiros e a intolerância explodem

(Marcelo Carneiro da Cunha)

07/04/11

 

Estimados sulvinteumenses, vivemos tempos explosivos. No Rio de Janeiro, então, nem se fala. Eu tenho cá a minha tese de que esses bueiros são algum experimento da CIA para acabar com a Al Qaeda, que agora a VEJA nos revela que está infiltrada no Brasil, resistindo por sorte a essas armadilhas diabólicas criadas especialmente para ela. A CIA deve ter pensado: Humm, onde podemos testar nossos bueiros? Que tal o Rio, alguém deve ter sugerido. Numa cidade onde tanta maluquice acontece o tempo inteiro, quem vai notar se um bueirinho explodir aqui, outro acolá? Eles torcem para times como o Flamengo e votam no Bolsonaro! Uma esquisitice a mais ou a menos, quem vai ligar?

Deve ter sido isso, claro.

Já eu acredito que existem limites para quase tudo, e quando eles são ultrapassados, o mundo se aproxima da barbárie e a vida vale menos a pena ser vivida. Cidades, por exemplo, deveriam ser lugares criados para pessoas viverem e exercitarem suas vidas, criarem suas famílias, conhecerem seus amores e passearem com eles pelos parques. Cidades devem ter parques, não bueiros que explodem diante da menor provocação. Aliás, sem qualquer provocação. Algo assim não é nada kosher, eu acho. Algo assim é simplesmente errado. Bueiros podem, no máximo, encher de água, entupir e fazer carros descer rua abaixo. Isso me parece algo mais ou menos normal, ainda mais morando em São Paulo. Agora, você estar tranquilamente caminhando com o seu cachorrinho e o bueiro mais próximo sair voando, quiçá levando você junto, isso sinceramente não está no universo de coisas razoáveis pelas quais a gente precisa passar, mesmo no Brasil.

A Light faz isso com as pessoas no Rio de Janeiro uma, duas, três vezes, e ficamos por isso mesmo? Basta, dona Light, basta, senhor prefeito, basta, senhor governador. Até aqui fomos. Agora, queremos, exigimos, uma UPP em cada bueiro da cidade, ou. Ou.

Da mesma maneira, se um outro tipo de bueiro metafórico, algo que deveria servir para manter as coisas em seu lugar e a vida sob controle – um deputado federal eleito, por exemplo -, explode e dele saem coisas que muito melhor ficariam se se mantivessem lá embaixo e escondidas de nossos olhos, ou eliminadas pelo sistema de eliminação de resíduos que uma sociedade saudável precisa ter, então temos problemas.

Nessa semana, setores da imprensa saíram do buraco para dizer que o Capitão Bolsonaro não quebrou nenhuma regra, que essa é uma sociedade democrática e todo mundo tem direito de se expressar como quiser.

Humm, é isso que vocês acham mesmo, setores da imprensa? Já eu acho que o que aconteceu não foi um exercício de livre expressão, e sim uma feia prática de opressão, e isso por um representante eleito de uma sociedade democrática. Uma sociedade democrática, estimados leitores, não é marcada apenas pelo fato de ela ser governada pela maioria, não senhor. Ela se define pela forma como são tratadas as minorias. Em um sistema saudável, todo mundo é respeitado e convive, por  bem ou por mal, num clima de igualdade, no qual as desigualdades, ou quem as deseja, precisa se manter debaixo da superfície da vida civilizada, e sobre eles colocamos bons bueiros, coisas que eles entendem. Boas leis, por exemplo, que punam os exageros e as violências. Punições para quem ousa romper com o acordo civilizatório de uma sociedade secular, onde as religiões são toleradas desde que tolerem as demais e aos demais, outro exemplo.

Alguém que se expressa desejando o mal para um outro grupo não está apenas se expressando, e temos aí Ruanda, como tivemos o nazismo com exemplos. Quem pratica a homofobia não está expressando opiniões, está indo contra o princípio constitucional de igualdade que nos rege. Isso atenta contra a própria razão de ser de uma sociedade plural e democrática.

Boas leis e bons costumes são como bons bueiros, caros leitores. Na ausência de uns de de outros, o cheiro que chega até nós é um horror, como o que vimos ser exalado nessa semana. Há quem ache que é bom que esse tipo de bueiro exploda e as coisas venham à tona e assim possam ser melhor compreendidas e combatidas. Não sei, não sei. Como no caso dos outros bueiros, esses que explodem ultimamente no Rio, a gente já SABE o que tem lá embaixo e não gosta. Por isso mesmo os cobrimos e isolamos com bueiros, para que eles não possam subir e nos contaminar com seus ódios e desrespeitos por tudo.

Coloquem de volta os bueiros, não deixem que explodam. A vida, caros leitores, foi feita tão simplesmente para ser normal, e não essa coisa em que ela se transforma quando deixamos que o mais básico seja destruído – seja pela incompetência de empresas de luz ou saneamento, seja pela intolerância dos pequenos tiranos

 

Fonte:

http://sul21.com.br/jornal/2011/04/quando-bueiros-e-a-intolerancia-explodem/

 



Escrito por marialimeira às 20h02
[   ] [ envie esta mensagem ]




Por onde anda Mizael Bispo?

 

O caso da advogada Mércia Nakashima está bastante esclarecido, mas onde está o truculento Mizael Bispo, ex namorado da Pobre Mércia.

 

Estará em algum Bunker?

 

Terá conseguido salvo conduto entre seus amigos de corporação para rastrear qualquer perseguição?

 

A justiça foi conivente com Mizael deixando-o entrar várias vezes para depoimento e nunca permitiram sua prisão. Quando decidiram por prendê-lo, ele já havia escafedido.

 

O sangue de Mércia clama por debaixo da terra, por justiça

 

Fonte:

http://podasestradas.blogspot.com/2011/03/por-onde-anda-mizael-bispo.html

 



Escrito por marialimeira às 09h20
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
BRASIL, Mulher, Portuguese, Arte e cultura
Histórico
  01/05/2012 a 31/05/2012
  01/03/2012 a 31/03/2012
  01/02/2012 a 29/02/2012
  01/12/2011 a 31/12/2011
  01/11/2011 a 30/11/2011
  01/10/2011 a 31/10/2011
  01/09/2011 a 30/09/2011
  01/07/2011 a 31/07/2011
  01/05/2011 a 31/05/2011
  01/04/2011 a 30/04/2011
  01/03/2011 a 31/03/2011
  01/02/2011 a 28/02/2011
  01/01/2011 a 31/01/2011
  01/12/2010 a 31/12/2010
  01/11/2010 a 30/11/2010
  01/10/2010 a 31/10/2010
  01/09/2010 a 30/09/2010
  01/08/2010 a 31/08/2010
  01/07/2010 a 31/07/2010
  01/06/2010 a 30/06/2010
  01/05/2010 a 31/05/2010
  01/04/2010 a 30/04/2010
  01/03/2010 a 31/03/2010
  01/02/2010 a 28/02/2010
  01/01/2010 a 31/01/2010
  01/12/2009 a 31/12/2009
  01/11/2009 a 30/11/2009
  01/10/2009 a 31/10/2009
  01/09/2009 a 30/09/2009
  01/08/2009 a 31/08/2009
  01/06/2009 a 30/06/2009
  01/04/2009 a 30/04/2009
  01/03/2009 a 31/03/2009
  01/02/2009 a 28/02/2009
  01/01/2009 a 31/01/2009
  01/08/2008 a 31/08/2008
  01/07/2008 a 31/07/2008
  01/06/2008 a 30/06/2008
  01/05/2008 a 31/05/2008
  01/04/2008 a 30/04/2008
  01/02/2008 a 29/02/2008
  01/01/2008 a 31/01/2008
  01/12/2007 a 31/12/2007
  01/11/2007 a 30/11/2007
  01/10/2007 a 31/10/2007
  01/09/2007 a 30/09/2007
  01/08/2007 a 31/08/2007
  01/07/2007 a 31/07/2007
  01/06/2007 a 30/06/2007
  01/05/2007 a 31/05/2007
  01/04/2007 a 30/04/2007
  01/03/2007 a 31/03/2007
  01/02/2007 a 28/02/2007
  01/01/2007 a 31/01/2007
  01/12/2006 a 31/12/2006
  01/11/2006 a 30/11/2006
  01/10/2006 a 31/10/2006
  01/09/2006 a 30/09/2006
  01/08/2006 a 31/08/2006
  01/07/2006 a 31/07/2006


Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  Maria José Limeira & Amigos
  Dicionário de Direitos Humanos
  Educação Ambiental
  Francisco Coimbra
  Observatório da Infância
  Noite sombria
  Rosangela_Aliberti
  Jorge Vicente
  Balaio de Letras
  Dôra Limeira
  Dira Vieira
  O Bule
  Luiz de Aquino
  Geraldes de Carvalho
  Glauber Vieira
  Algo mais além de livros
  Planeta Sustentável
  Poeta Linaldo Guedes
  El Theatro
Votação
  Dê uma nota para meu blog